Criança passou por três hospitais; percurso entre unidades de saúde levou horas

Um bebê de um ano veio a óbito após ser picado por um escorpião, no domingo (13). Davi Matos Rebonato  passou em três unidades hospitalares, mas não resistiu ao veneno e morreu.

O pai, José Roberto Rebonato, informou que chegou a matar o escorpião que atacou a criança. De acordo com ele, o bebê foi picado na perna dentro de um cômodo vazio, em Pedro Canário-ES.

Após socorrer a criança, a família a encaminhou até o hospital municipal de Pedro Canário. Na ocasião a recepcionista da unidade informou que havia soro disponível para ser aplicado, mas, cerca de meia hora depois, o médico da unidade afirmou que as doses estavam em falta.

Após isso, a família relatou que a criança chegou no Hospital Estadual Roberto Silvares, em São Mateus, a cerca de 40 minutos do primeiro hospital, e conseguiu, enfim, ter acesso ao soro.

O estado de Davi, no entanto, se agravou e ele foi transferido para um hospital particular na mesma cidade, onde morreu.

José Roberto relata que o percurso entre os hospitais durou horas e o estado da criança ficou agravado em decorrência da espera pelo atendimento. O menino foi enterrado nesta segunda-feira (14).

Fonte; Jornal de Brasília

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui