Presidentes trataram, nesta terça-feira (6), da aquisição e fabricação, em solo brasileiro, do imunizante russo contra covid-19

O presidente Jair Bolsonaro conversou nesta terça-feira (6) com o presidente da Rússia, Vladimir Putin. Entre os assuntos, está a aquisição e fabricação da vacina russa contra a covid-19, chamada de Sputnik V.

“Acabei de receber um telefonema do presidente Putin. Um dos assuntos mais importante que tratamos aqui é a possibilidade de nós recebermos a vacina Sputnik. Logicamente dependemos ainda de resolver alguns entraves aqui no Brasil e estamos ultimando contato com demais autoridades de como podemos efetivamente importar a vacina”, afirmou Bolsonaro.

“Esperamos, inclusive, caso aprovada a vacina Sputnik, nós viemos a produzi-la no país”, acrescentou. Marcelo Queiroga confirmou a informação e disse que o Ministério da Saúde tem tratativas com fundos sobre o assunto.

Bolsonaro estava acompanhado dos ministros das Relações Exteriores (Carlos França), da Saúde (Marcelo Queiroga), da Secretaria-Geral (Onyx Lorenzoni), Secretário de Assuntos Estratégicos (Flávio Rocha) e o diretor-presidente da Anvisa (Antônio Barra).

De acordo com nota da Secretaria Especial de Comunicação Social, entre os assuntos tratados na conversa, estão a aquisição e fabricação da vacina Sputnik no Brasil; comércio entre os dois países; cooperação na indústria de defesa e ciência e tecnologia.

Fonte: R7

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui