Pelo menos 11 unidades hospitalares estão com 100% dos leitos de UTIs ocupados, inclusive para pacientes com outras doenças

Está em 92,81% a taxa de ocupação de leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) exclusivos para o tratamento da covid-19 no Espírito Santo. A atualização foi realizada na manhã desta quarta-feira (07), no Painel de Ocupação de Leitos Hospitalares, da Secretaria de Estado da Saúde (Sesa).

Até a tarde de terça-feira (06), 17 hospitais do Estado não possuíam mais leitos de UTI para o tratamento da covid-19, e 11 deles também não disponibilizavam mais leitos de UTI para nenhum outro tipo de tratamento no Espírito Santo.

A taxa de ocupação de leitos representa um total de 904 pacientes internados em estado grave na terapia intensiva ou semi-intensiva, levando em consideração um total de 974 leitos do tipo. Já os leitos de enfermaria exclusivos para o tratamento da doença, somam 899 em todo o Espírito Santo. Destes, 83,12% estão ocupados.

Ao todo, somados os leitos de enfermaria e UTI, o estado possui 1.873 leitos ativos para o atendimento de pessoas infectadas pela covid-19, com uma taxa de ocupação geral de 87,93%, o que representa um total de 1.647 pacientes internados em algum tipo de leito no Espírito Santo.

Os hospitais que não possuem mais leitos de UTI para o tratamento da covid-19 são:- Hospital Estadual Alceu Melgaço Filho
– Hospital Geral de Linhares
– Hospital Rio Doce
– Hospital Estadual Silvio Avidos
– Santa Casa de Misericórdia de Colatina
– Hospital Estadual Bezerra de Farias
– Hospital Estadual de Urgência e Emergência
– Hospital Madre Regina Protmann
– Hospital São Camilo
– Hospital Universitário
– Hospital Vitória
– Vila Velha Hospital
– Hospital Evangélico de Cachoeiro
– Hospital Evangélico de Itapemirim
– Santa Casa de Misericórdia de Cachoeiro
– Santa Casa de Misericórdia de Castelo
– Santa Casa de Misericórdia de Guaçuí

Fonte: Folha Vitória

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui