Segundo a polícia do Paraná, Diogo bateu com a moto que pilotava em um poste, sofreu um traumatismo craniano e morreu no local

O ex-atacante Diogo, que teve passagem pelo Flamengo em 2004 e veio da base do Santos, morreu na noite de quarta-feira, aos 38 anos, após sofrer um acidente de moto na cidade de Maringá, no Paraná. Segundo a polícia local, Diogo bateu com a moto em um poste, sofreu um traumatismo craniano e morreu no local.

Pelas redes sociais, o Flamengo postou uma mensagem lamentando a morte do ex-atleta.

– O Clube de Regatas do Flamengo lamenta profundamente a morte do ex-atacante Diogo, que defendeu o clube em 2004. Muita força aos familiares e amigos neste momento tão triste – postou.

Diogo começou a carreira na base do Santos, jogou por América-RN e Rio Branco-SP antes de chegar ao Flamengo, em 2004. Jogou também na Suécia, no Japão e nos Emirados Árabes. No Brasil, defendeu o ABC, o América de Teófilo Otoni e o São Bernardo, time de sua cidade natal. O ex-atacante encerrou a sua carreira em 2017 no Grêmio Maringá.

Fonte: R7

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui