Remessa destinada ao Ministério da Saúde começou a ser produzida em maio, após interrupção da fabricação por falta de insumo

O estado de São Paulo entrega na manhã desta sexta-feira (11) um novo lote da CoronaVac, vacina contra a covid-19 produzida pelo Instituto Butantan em parceria com a farmacêutica chinesa Sinovac.

última entrega, de mais de 1,1 milhão de doses, ocorreu em 14 de maio, somando 47,212 milhões de doses fornecidas ao país. A entrega foi a primeira referente ao segundo contrato do Butantan com o Ministério da Saúde, de 54 milhões de doses até setembro

Um dia antes, 13 de maio, a produção de imunizantes do Butantan precisou ser interrompida por falta de insumos. Os trabalhos só foram retomados no dia 27 maio, após a chegada de matéria-prima no dia 24 de maio. Na ocasião, chegaram 3 mil litros de IFA (Ingrediente Farmacêutico Ativo) para a produção de 5 milhões de doses da vacina. A expectativa, no entanto, era de receber 4 mil litros de insumos para gerar 7 milhões de doses.

Fonte: R7

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui